Pular para o conteúdo principal

Postagens

Destaques

Café

De segunda a sexta, em horário comercial.
Minha droga pessoal.
Um tipo estranho de conforto, quase que um abraço líquido. 
Quente. 
Aromático. 
Inesquecível.
Eis que me vejo, em uma quarta-feira chuvosa e fria, caminhando pelo mercado.
Como eu vim parar aqui, eu não sei exatamente.

Acho que tinha algo a ver com abastecer a fruteira da cozinha da minha casa.
Mas isso não tem nada a ver.

Não posso mais ficar dando bobeira pro acaso.

Grãos 100% arábica me aguardam, na seção mais disputada desse lugar.
Vou sentindo todos eles pela válvula da embalagem.

Válvulas de desgaseificação são maravilhas subestimadas do mundo pós-moderno.
Leio atentamente cada verso.

Identifico as origens.

Faço cara de entendido e me conecto com quem eu nunca vi na vida. 
Viajo sem sair do lugar.

Do Sul de Minas ao Oriente Médio, a distância é de uma prateleira. 
Muito além do fetiche, isso é história.

E eu me perco nela, como um menino que já sabe o que quer da vida.
O sistema de som anuncia que os caixas estão e…

Últimas postagens

Caixinhas

326

Desvio de rota

A gente sonha

O mesmo

Mundão

A barata

Duelo interior

Âncora

6:00 pm